21 de maio de 2020

O delegado que vazou a Furna da Onça aos Bolsonaros é conhecido na PF por um apelido

Mesmo com a Organização Mundial de Saúde reforçando que não foi comprovada a eficácia da cloroquina no combate à covid-19, o Ministério da Saúde trabalha para aumentar os estoques do medicamento. O Governo Federal quer comprimidos suficientes para 375 mil tratamentos, cem mil a mais do que o total de casos confirmados no Brasil desde o início da pandemia.

Continuar lendo O delegado que vazou a Furna da Onça aos Bolsonaros é conhecido na PF por um apelido
23 de maio de 2020

Dilma e Collor caíram por MUITO menos

Na véspera, Jair Bolsonaro tinha chamado a atenção por, numa reunião com governadores, se comportar como adulto. Tudo tinha sido previamente ensaiado com Rodrigo Maia e Davi Alcolumbre. Em paralelo, Augusto Heleno surgia em manchete garantindo que as Forças Armadas não protagonizariam um golpe militar. Mas, às 15h18 da sexta-feira, o próprio chefe do Gabinete de Segurança Institucional, com apoio das Forças Armadas, rasgaria a fantasia do democrata que nunca foi, vindo a ser endossado pelo presidente da República após alguns minutos.

Continuar lendo Dilma e Collor caíram por MUITO menos
25 de maio de 2020

Jair Bolsonaro há muito abandonou o combate à corrupção

Em entrevista ao Fantástico, Sergio Moro confirmou o que está evidente desde meados de 2019: Jair Bolsonaro há muito abandonou a principal bandeira de campanha, o combate à corrupção. O delegado Waldir, que chegou a liderar a bancada do PSL na Câmara Federal, foi ainda mais claro, garantindo que o presidente da República “trabalhou para impedir a prisão em segunda instância” e “ajudou a colocar o Lula em liberdade”.

Continuar lendo Jair Bolsonaro há muito abandonou o combate à corrupção
27 de maio de 2020

A “Terra Plana” do bolsolavismo não gira, ela capota

Um dia após avançar contra Wilson Witzel, um dos principais adversários políticos de Jair Bolsonaro, a Polícia Federal cumpriu 29 mandados de busca e apreensão expedidos por Alexandre Moraes no polêmico inquérito em que o próprio STF apura a disseminação de notícias falsas. Dentre os alvos, havia 6 deputados federais do PSL, dois deputados estaduais da mesma sigla, quatro empresários bolsolavistas e todo um elenco bizarro de influenciadores digitais que aqui nem serão nomeados pois, como ensinou Ricardo Boechat, não se deve dar palanque para otário.

Continuar lendo A “Terra Plana” do bolsolavismo não gira, ela capota