18 de junho de 2020

Jair Bolsonaro se embolando sem parar

Um dia após Jair Bolsonaro, em mais uma fala golpista, prometer que estaria “chegando a hora de colocar tudo em seu devido lugar”, o Ministério Público do Rio de Janeiro achou que havia chegado a hora de colocar Fabrício Queiroz na cadeia. No presídio de Bangu, o antigo “faz tudo” da família Bolsonaro há de ter mais dificuldade para obstruir as investigações sobre a organização criminosa que atuava no gabinete de Flávio Bolsonaro no Rio de Janeiro.

Continuar lendo Jair Bolsonaro se embolando sem parar
19 de junho de 2020

Não existe país decente sem imprensa livre

Mesmo como um contraponto democrático à ascensão de Jair Bolsonaro, Lula não se cansava de repetir que iriaregular os meios de comunicação“, um eufemismo para censura. Tanto que, posta em prática na Venezuela, a tal regulação serviu apenas para calar veículos críticos ao chavismo.

Continuar lendo Não existe país decente sem imprensa livre
22 de junho de 2020

Como Jair Bolsonaro tentou sabotar o combate ao novo coronavírus

No sábado, quando o Brasil oficialmente contabilizou 50 mil óbitos por covid-19, um forte editorial do Jornal Nacional ressaltou que “a história vai registrar também aqueles que se omitiram, os que foram negligentes, os que foram desrespeitosos“. Mesmo sem citar nomes, todos entenderam a quem o texto se referia. Mas faz-se necessário um registro mais explícito. Ou corre-se o risco de, no futuro, o passado mais um vez ser deturpado por revisionistas. Nesse sentido, nada melhor do que listar os fatos em ordem cronológica.

Continuar lendo Como Jair Bolsonaro tentou sabotar o combate ao novo coronavírus
24 de junho de 2020

O momento em que Jair Bolsonaro virou um fenômeno eleitoral

Há um mês, Jair Bolsonaro aproveitou o “quebra-queixo” na saída da residência oficial para prometer que só voltaria a falar com os repórteres quando, na ótica turva dele, passassem a “falar a verdade“. Foi a senha para que os bolsolavistas que diariamente bajulam o presidente da República levassem os ataques contra a imprensa ao limite da agressão física.

Continuar lendo O momento em que Jair Bolsonaro virou um fenômeno eleitoral
26 de junho de 2020

Quem acredita no Bolsonarinho Paz & Amor?

Ontem, em mais uma das transmissões ao vivo que protagoniza às quintas, Jair Bolsonaro surgiu com um sanfoneiro ao fundo. Era Gilson Machado Neto, presidente da Embratur, que no passado já tocou no Forró da Brucelose. Lamentando o cancelamento dos festejos juninos no Nordeste, o presidente da República pediu para que o músico cantasse, em homenagem aos mais de 55 mil brasileiros mortos pela covid-19, a Ave Maria de Bach e Gounod.

Continuar lendo Quem acredita no Bolsonarinho Paz & Amor?