16 de abril de 2020

Por puro egoísmo, Bolsonaro demitiu o ministro mais necessário

Minutos após a confirmação de 596 mortes por covid-19 em apenas três dias, a queda de braço chegou ao fim: Jair Bolsonaro demitiu o ministro da Saúde. De imediato, panelaços foram ouvidos em diversas localidades do Brasil. Se a queda de Luiz Henrique Mandetta era desejo antigo do presidente da República, o próprio ministro vinha cavando a demissão desde sábado, quando, em visita às obras de um hospital de campanha em Goiás, o chefe se deu a provocar o auxiliar criminosamente se entregando a aglomerações. “São 60 dias nessa batalha. Isso cansa“, reclamou o demitido ainda ontem em entrevista.

Continuar lendo Por puro egoísmo, Bolsonaro demitiu o ministro mais necessário
19 de maio de 2020

Não dá para superar a crise econômica sem antes conter a covid-19

Para a Instituição Fiscal Independente, só neste segundo trimestre, o recuo na atividade econômica do Brasil pode encostar nos 10 pontos percentuais. Ainda segundo a IFI, a dívida se aproximaria em 2020 de 90% do PIB. Superado o pico da pandemia, o Produto Interno Bruto terminaria o ano acumulando 5,5% de queda. Mas essa é a previsão otimista.

Continuar lendo Não dá para superar a crise econômica sem antes conter a covid-19