28 de abril de 2020

Ministério da Justiça: sai aliado da Lava Jato, entra aliado de Dias Toffoli

Na quinta, dia 23, o perfil oficial de Lula publicou no Twitter que “é preciso começar o Fora Bolsonaro“. Contudo, no domingo, veio a notícia de que o ex-presidente “participou de uma reunião com a executiva nacional do partido na qual ficou decidido que a legenda não entraria isoladamente com um pedido de impeachment“. Também no domingo, argumentando que se tratava de “mera coincidência“, o advogado de Flávio Bolsonaro se encontrou com Jair Bolsonaro, mas negou que estivesse interferindo na definição do novo ministro da Justiça.

Continuar lendo Ministério da Justiça: sai aliado da Lava Jato, entra aliado de Dias Toffoli
27 de maio de 2020

A “Terra Plana” do bolsolavismo não gira, ela capota

Um dia após avançar contra Wilson Witzel, um dos principais adversários políticos de Jair Bolsonaro, a Polícia Federal cumpriu 29 mandados de busca e apreensão expedidos por Alexandre Moraes no polêmico inquérito em que o próprio STF apura a disseminação de notícias falsas. Dentre os alvos, havia 6 deputados federais do PSL, dois deputados estaduais da mesma sigla, quatro empresários bolsolavistas e todo um elenco bizarro de influenciadores digitais que aqui nem serão nomeados pois, como ensinou Ricardo Boechat, não se deve dar palanque para otário.

Continuar lendo A “Terra Plana” do bolsolavismo não gira, ela capota
2 de junho de 2020

Jair Bolsonaro conseguiu as 30 mil mortes, falta a guerra civil

Em 1999, Jair Bolsonaro concedeu uma polêmica entrevista ao programa “Câmera Aberta”, da Band. De uma longa sequência de absurdos, ficou na memória o trecho no qual diz que o país só melhoraria “quando nós partirmos para uma guerra civil aqui dentro, e fazendo o trabalho que o regime militar não fez, matando uns 30 mil“. Depois de citar o ainda presidente Fernando Henrique Cardoso como o primeiro a ser executado, o deputado federal acrescentou: “se vai morrer alguns inocentes, tudo bem, tudo quanto é guerra morre inocente“.

Continuar lendo Jair Bolsonaro conseguiu as 30 mil mortes, falta a guerra civil
22 de junho de 2020

Como Jair Bolsonaro tentou sabotar o combate ao novo coronavírus

No sábado, quando o Brasil oficialmente contabilizou 50 mil óbitos por covid-19, um forte editorial do Jornal Nacional ressaltou que “a história vai registrar também aqueles que se omitiram, os que foram negligentes, os que foram desrespeitosos“. Mesmo sem citar nomes, todos entenderam a quem o texto se referia. Mas faz-se necessário um registro mais explícito. Ou corre-se o risco de, no futuro, o passado mais um vez ser deturpado por revisionistas. Nesse sentido, nada melhor do que listar os fatos em ordem cronológica.

Continuar lendo Como Jair Bolsonaro tentou sabotar o combate ao novo coronavírus
24 de junho de 2020

O momento em que Jair Bolsonaro virou um fenômeno eleitoral

Há um mês, Jair Bolsonaro aproveitou o “quebra-queixo” na saída da residência oficial para prometer que só voltaria a falar com os repórteres quando, na ótica turva dele, passassem a “falar a verdade“. Foi a senha para que os bolsolavistas que diariamente bajulam o presidente da República levassem os ataques contra a imprensa ao limite da agressão física.

Continuar lendo O momento em que Jair Bolsonaro virou um fenômeno eleitoral